Postagens populares

sábado, 12 de abril de 2008

Prós e Contras do Transporte Fluvial

FARIAS(1998) menciona que o transporte tem origem do latim(Transportare) e sugere a alteração de lugar, a ação de conduzir pessoas ou bens de um lugar para outro. Para ROCHA(2001), o conceito de transporte consiste na distribuição efetiva do produto, ou seja, aos vários métodos utilizados para movimentar.

O transporte fluvial desempenha na região amazônica, uma função de elo de integração, influindo progressivamente nos estreitamento das relações entre os grandes centros e ribeirinhos, governo e esta comunidade, e na inserção de novas áreas que estão excluídas ao processo de desenvolvimento. Os pontos positivos do transporte fluvial são:

  • Menor dispêndio de mão-de-obra, pelas as reduzidas tripulações dos empurradores ou chatas;
  • Proporciona economia de petróleo, pois as embarcações usadas são de baixo consumo de combustível;
  • Exige menos manutenção que o transporte rodoviário e ao contrário deste que seu custo de manutenção diminui à medida que o tráfego se intensifica;
  • Reduz a poluição de gases de descarga para o ar, contribuindo para a melhoria da qualidade de vida do meio ambiente;

Quanto aos pontos negativos do transporte fluvial são:

  • Baixa velocidade;
  • Disponibilidade limitada
  • A falta de uma infra-estrutura para melhor atendimento desse modal na região;
  • O aparecimento de piratas na região das proximidades ao porto. Com aparecimento desses foi necessário que as empresas desse tipo de transporte adaptassem suas estruturas, seguranças fortemente armados para impedir o roubo;
  • Menor flexibilidade nos serviços aliados a freqüentes congestionamentos nos portos;

Nenhum comentário:

Compartilhe!